RSS

Charles Burguer – Cheese Creme de Milho

08 Nov

Charles Burguer, segundo eles, desde 1995, deve ser das mais antigas casas de hambúrguer da cidade. Talvez perca apenas para o Kharina. Ainda que não seja tão conhecido, e que eu não o tenha conhecido até esses dias, é das antigas, então há de se respeitar.
Charles me lembra diretamente a história de Charles Menezes, de 8 anos, o Charlinho que pode ter crescido e migrado para Curitiba onde abriu o Charles Burguer.  E também me lembra outro Charles de Menezes, o Jean Charles (R.I.P), o brasileiro “bem” recebido pela polícia britânica em um metrô de Londres com 7 tiros na cabeça. No climão triste e sofrido da vida dos Charles, o estabelecimento tocava um cd inteiro do Radiohead (e coincidentemente agora enquanto escrevo isso aqui está passando um especial do Radiohead na TV).

Fui de Cheese Creme de Milho. O creme de milho, que dá o tom dominante do lanche, era, na minha cabeça, como um creme meio grossinho, granulado e de cor amarelo claro, colocado numa pequena porção em cima do hambúrguer, tipo um curau ou uma pamonha mais molinha, ou até mesmo uma polenta como disse o Yuri enquanto pensávamos nas possibilidades dos cremes de milho. Essas eram as imagens mentais que criei do negócio, e aí olha só o que me chega na mesa.

Pensei em não colocar a foto para que vocês também pudessem fazer a mesma cara de “What The Fuck is This?!”, caso fossem experimentar esse sanduba.
Mas como eu não estaria lá para ver a cara de vocês, não teria tanta graça, então taí o bicho! Fiquei tão surpreso que nem sabia como fazer a foto.
Tá certo que às vezes pareço um mendigo, mas um hambúrguer com sopa de mendigo eu não esperava.

Dessa vez fui querer inovar, experimentar o diferente… e só serviu para me convencer a ficar no tradicional e manter minha missão de ver se os lugares acertam no clássico para depois querer experimentar alguma extravagância.
O creme de milho na verdade é um mingau com queijo e grãos de milho. Mingau, aquela base de amido de milho (maizena) e leite, que se colocar açúcar e canela fica um doce, e se colocar queijo, uma pitada de sal e milho, vira o Creme de Milho do Charles. Que na verdade é creme com milho, não de milho.
Imagina comigo a montagem do sanduíche(segunda vez no post que digo as coisas que imagino, sou muito imagético e imaginativo). Coloca no prato a parte de baixo do pão, aí carne e talvez um pouco de queijo (não consegui perceber o queijo), e aí vem uma avalanche de creme sendo derramado com uma concha em cima do hambúrguer, escorrendo e tomando conta de todo o prato, o hambúrguer e o pão de baixo, então é colocada a parte superior do pão e voilá.
E aqui volto a lembrar do Charlinho. Acho que esse mingau deve ser o que ele comia quando criança na escola, quando conseguia ir para aula, e anos depois tentou (sem muito sucesso) adaptar para um hambúrguer.

O pão é um pão de hambúrguer com um punhadinho de gergelim no alto e no meio, estava macio, bem fresco, do dia mesmo. O pão serviu mais para comer com o creme, tipo pão com sopa, e não tanto como um “pão de hambúrguer”,  com a funcionalidade que Deus lhe deu quando o criou.

Agora a parte boa da jogada, achei a carne muito boa, temperada, tenra e úmida, sem estar escorrendo e fazendo aquela zona, bem do jeito que o Diabo a gente gosta.
Mas 120g é muuuito pouco, isso é porção para meninas e crianças. 160g deveria ser estabelecido pelo IPEM como o mínimo para um bom hambúrguer. Até pensei em pedir dois hambúrgueres, mas achei um pouco caro (R$5,50) por uma carninha extra, e até então eu não sabia que era boa.

E é isso, são três ingredientes apenas(o queijo só percebi derretido no “creme”), um lanche meio janta, meio comida de doente, de gente velha, com uma bela pequena carne perdida num mar de mingau. Para quem não quer se aventurar, recomendo outra opção.

Ficha técnica:

Cheese Creme de Milho

Ingredientes: “Hambúrguer, queijo derretido e creme de milho”.

Preço: R$11,90 +  coca-cola lata  R$3,50 + 10%.

Ponto alto: A carne.

Ponto baixo: A bizarrice do “creme de milho” que toma conta de todo o prato.

Avaliação: D+

O Charles Burguer fica na Rua Cândido Hartman, 392. Segunda à quinta 18h-23h. Sexta-feira das 18h às 24h, sábado das 18h até às 02h e domingo das 18h às 23h.  (41) 3339-4771.

 
1 Comentário

Publicado por em 11/08/2012 em Uncategorized

 

Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

One response to “Charles Burguer – Cheese Creme de Milho

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: